Ucrânia renova seus “votos batismais”

Faz 1.025 anos, o Grão Príncipe de Kiev, São Vladimir batizou-se junto com tal quantidade de súditos, que a cerimônia é considerada como o batismo de toda uma nação.

O Principado de Kiev deu posteriormente origem à atual Ucrânia e Rússia.

A hierarquia católica ucraniana renovou no domingo 28 de julho, os votos batismais, em comemoração a grande data. Sua Beatitude, o Arcebispo Maior de Kiev-Galitzia e toda Rússia, da Igreja Greco-Católica Ucraniana, Dom Sviatoslav Shevchuk explicou o simbolismo do fato: “Precisamos lembrar e renovar nossos votos do batismo… Seu significado permanece o mesmo – libertar-nos de qualquer vínculo de escravidão, que tenha sido imposto à raça humana pelo demônio desde nosso ancestral Adão, e portar as vestes batismais da liberdade e do amor, que são as brilhantes vestes do Cristo ressuscitado”.

Dom Sviatoslav, é o hierarca do maior rito oriental católico, e espera que a renovação dos votos “restaure nossa fidelidade a Cristo, como única fonte de vida para o povo ucraniano” e “solidifique nossa união religiosa e nacional”.

No dia 28, Dom Sviatoslav também concedeu entrevista à televisão afirmando que “Muita gente na Ucrânia segue procurando a Deus, como aconteceu nos dias do Príncipe Vladimir, porém, não o encontraram. Estão esperando as palavras do Evangelho de Cristo”.

Também no dia 4 de Agosto, com a presença do Núncio Apostólico, Dom Thomas Edward Gullickson, foi realizada uma procissão e uma eucaristia no monte de São Vladimir.

Fontes:

http://es.wikipedia.org/wiki/Sviatoslav_Shevchuk

http://en.for-ua.com/analytics/2013/07/29/143524.html

http://www.catholicculture.org/news/headlines/index.cfm?storyid=18581

http://www.zenit.org/en/articles/ukraine-marks-1-025-years-of-christianity

http://risu.org.ua/ru/index/all_news/state/national_religious_question/53166/

Deixe uma resposta