Arquidiocese de Salvador divulga programação da visita dos símbolos da JMJ pelo estado da Bahia

cruz-peregrina

Salvador (Sexta-feira, 09-12-2011, Gaudium Press) A Arquidiocese de Salvador, na Bahia, divulgou ontem a programação do seu “Bote Fé”, evento que recepciona a cruz peregrina e ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), nas dioceses do Brasil. No estado baiano, a cerimônia acontecerá entre os dias 17 e 19 de dezembro, com a participação de diversos movimentos pastorais e instituições.

O “Bote Fé” baiano se iniciará na Ilha de Salinas na manhã do dia 17 de dezembro. Da entrada da Ilha, a cruz e o ícone partirão em carreata pelas ruas da cidade. No período vespertino, os símbolos estarão na Ilha de Itaparica, onde será celebrada uma santa missa pelo bispo auxiliar de Salvador, Dom Gilson Andrade. Já à noite, os símbolos estarão no município de Cruz das Almas, onde Dom Gilson novamente celebrará uma missa.

O segundo dia de peregrinação da cruz e do ícone de Nossa Senhora pela Bahia começará na BR 324 (Km 613), entrada do município de Valéria. De madrugada, os peregrinos partirão em carreata até o Santuário de Irmã Dulce, em Salvador. De lá, haverá caminhada até o Santuário do Senhor do Bonfim. Neste local, ainda pela manhã, o arcebispo de Salvador, Dom Murilo Krieger, presidirá uma celebração eucarística em honra aos símbolos, que ficarão no Bonfim para visitação até o início da tarde.

Ainda neste dia, no período da tarde, a cruz e ícone de Nossa Senhora serão recepcionados por milhares de fiéis no tradicional bairro do Campo Grande. Lá, haverá caminhada até a Praça Municipal, seguida de show musicais.

O encerramento da visita dos símbolos por Salvador se dará por meio de uma visita da Pastoral da Juventude de Salvador a jovens carentes e excluídos. Segundo o secretário arquidiocesano do Setor Juventude de Salvador, Marcos Felipe Fonseca, na ocasião a cruz visitará pela Fundação da da Criança e do Adolescente Tancredo Neves (Fundac), e também por uma penitenciária (Mata Escura).

Sobre a realização do “Bote Fé” pela Arquidiocese de Salvador, o secretário declarou que todos podem esperar deste evento muito ânimo, muita fé e, sobretudo, muita esperança na juventude. “Salvador também quer fazer ecoar a sua voz que diz, 1eu acredito na Juventude’, disse.

Com informações da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Deixe uma resposta